Recupere a pele dos estragos provocados pelo inverno

Hidratação pesada e limpeza na esteticista são cuidados indispensáveis

POR REDAÇÃO - ATUALIZADO EM 28/05/2010

Com o fim dos dias mais frios, a pele começa a pedir atenção. A descamação e o ressecamento provocado pelo inverno precisam ser tratados antes que o sol instale-se de vez no céu, prejudicando sua aparência. Dermatites atópicas, alergias e rugas de expressão, além do ressecamento, são muito comuns no inverno , afirma a fisioterapeuta dermato-funcional, Izabela Teixeira Dias.

A ventania, a água quente e a preguiça são, em geral, as grandes culpadas pelos problemas. Mas não precisa se desesperar: ainda há tempo de sobra para exibir na praia uma pele de porcelana, siga as dicas da especialista e prepare-se para encarar a renovação.

PUBLICIDADE

Maquiagem

No inverno, as mulheres têm mais preguiça de tirar a maquiagem. Como elas não transpiram durante o dia, acham que a pele esta limpa. A água gelada também desanima, causando o acúmulo de impurezas. Para remover as impurezas, marque uma limpeza de pele na esteticista e, se for o caso, agende um peeling. Ainda há tempo de fazer o tratamento sem se preocupar com as manchas de sol.

Alimentação da pesada

salada - foto: getty images
salada

No inverno, a alimentação passa a ser mais gordurosa e quente, o que leva a um aumento da oleosidade e da acne nas peles mais propensas. Então, aproveite para acrescentar muitas verduras e legumes no prato, eles fornecem vitaminas que dão mais brilho à pele.

Banho escaldante

A água quente remove a proteção da pele (manto hidrolipídico), deixando-a mais propensa a irritações, descamação, ressecamento e envelhecimento precoce. Por isso, não descuide da hidratação mesmo com o fim do tempo frio.

Fase pós-laser

O laser, bastante procurado no inverno, acaba por agredir a pele deixando-a mais sensível e reativa. Como no inverno a pele perde a camada de proteção (manto hidrolipídico), a combinação do laser e inverno deve-se ter cuidado redobrado para evitar possíveis complicações na pele, como as manchas e mais ressecamento.

Ressecamento

banho - foto: getty images
banho

Nem pense em ignorar o sintoma. Se não for revertido, ele traz riscos como envelhecimento precoce (rugas finas) e diminuição da elasticidade da pele. Com a diminuição da temperatura, os banhos acabam por ser mais quentes, causando a perda da barreira de proteção da pele (manto hidrolipídico) levando a um ressecamento severo e, com isso, o aparecimento das rugas e diminuição da elasticidade.

Preparada para o sol

Sessões de esfoliação, acompanhadas de uma boa hidratação com produtos contendo anti-radicais livres (como os polifenóis da uva e do vinho) e ativos firmadores ajudam a pele a se recompor, ficando pronta para receber o sol de verão. Lembrando ainda que uma boa hidratação depende também da ingestão de, pelo menos, 2 litros de água por dia.

Rachaduras nos pés

No inverno, a umidade do ar diminui, causando o ressecamento da pele, inclusive dos pés. A hidratação é fundamental, mas também é necessário usar sapatos fechados e um bom hidratante, específico para a região dos pés. As rachaduras acabam por ser locais propensos a proliferação de bactérias e fungos, por isso é importante tratá-las com cuidado e, se necessário,conte com a ajuda de um podólogo.

Cremes

Evite ressecamento da pele, dermatites atópicas, alergias e rugas de expressão que costumam aparecer no inverno

Eles não podem faltar no seu nécessaire. E a fórmula pode ser a mesma, independente da estação, o que vale mesmo é ficar atenta ao seu tipo de pele. Normalmente, no inverno, mesmo a pele oleosa apresenta ressecamento, sendo indicados produtos em base de creme.

Proteção solar

Agora, eles são mais do que necessários: só saia de casa após aplica ruma camada de bloqueador com proteção 30, no mínimo. Os filtros protegem sua pele contra flacidez, ressecamento e rugas de expressão.