Estridor: tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Estridor?

Sinônimos: obstrução extratorácica das vias aéreas, sons da respiração anormais

O estridor é um som agudo, chiado, que ocorre geralmente quando a pessoa inspira. A intensidade do estridor costuma ser suficiente para se poder ouvir a determinada distância, mas em alguns casos só é perceptível durante uma respiração profunda. O estridor ocorre devido a uma obstrução parcial da faringe, laringe ou traqueia. O estridor afeta mais crianças do que adultos.

PUBLICIDADE

Causas

Existem diferentes causas para o estridor. Algumas podem ser doenças, enquanto outras são problemas na estrutura anatômica das vias aéreas da criança. Isto porque as vias aéreas superiores das crianças são mais curtas e estreitas, portanto mais suscetíveis a problemas de obstrução.

Causas congênitas em crianças

  • Laringomalácia: Uma anomalia congênita da laringe. Tratase da causa mais comum de estridor e raramente precisa de cirurgia
  • Estenose subglótica: A laringe fica muito estreita abaixo das cordas vocais. Um procedimento cirúrgico pode ser necessário se o problema for mais grave
  • Hemangioma subglótico: Um tipo de massa que consiste em sua maior parte de sangue. Esta massa cresce rápido nos primeiros meses de vida da criança. Em algumas crianças a complicação pode ser superada, pois o hemangioma fica menor com o tempo, já outras precisarão de cirurgia se o hemangioma for severo
  • Anéis vasculares: A traqueia pode ser comprimida por uma outra estrutura, artéria ou veio, ao seu redor. A cirurgia pode ser necessária para aliviar a condição.

Causas infeciosas

  • Difteria: Infecção causada por um vírus que leva ao inchaço das vias aéreas e provoca problemas respiratórios
  • Epiglotite: Trata-se de uma infecção bacteriana aguda que causa risco à vida que leva a inflamação da epiglote. Isto provoca problemas respiratórios que podem levar a obstrução das vias aéreas
  • Bronquite: Trata-se uma inflamação das vias aéreas, brônquios, que provoca o aumento da produção de muco e outras mudanças. A bronquite pode ser causada por agentes infecciosos como bactérias ou vírus e também por agentes físicos ou químicos, como poeiras, fumos, alérgenos fortes, fumo e outros
  • Amigdalite grave: A amigdalite consiste na infecção das amídalas
  • Abcesso da parte superior da garganta: O abcesso na garganta é uma coleção de pus em torno de um tecido inflamado. Caso o abcesso seja muito grande ele pode restringir as vias aéreas.

Causas traumáticas

  • Corpo estranho no ouvido, nariz ou no trato respiratório. Os corpos estranhos podem ser quaisquer objetos colocados na orelha, nariz ou boca que não pertencem a eles, como uma moeda
  • Fraturas no pescoço
  • Ingestão de uma substância nociva que pode causar danos nas vias áreas.

Nos adultos outras causas podem ser tumor, edema na via aérea superior ou mau funcionamento das cordas vocais.

Fatores de risco

As crianças tem mais riscos de desenvolver o estridor. Isto porque elas tem as vias aéreas mais estreitas e suaves do que os adultos. A condição deve ser tratada imediatamente a fim de evitar mais bloqueio.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Assim que o estridor começar é importante buscar a ajuda médica, pois suas causas podem ser doenças graves. Busque ajuda médica de emergência se notar:

  • Coloração azul nos lábios, face ou corpo do seu bebê
  • Dificuldade de respirar
  • Perda de peso
  • Dificuldade em comer, beber ou amamentar.
PUBLICIDADE

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar um estridor são:

  • Clínico geral
  • Pneumologista
  • Otorrinolaringologista
  • Pediatra.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • O som da sua respiração está normal?
  • Quando você notou a condição pela primeira vez?
  • Você/ seu filho apresentou outros sintomas, como rosto ou pele azul?
  • Seu filho/ você esteve doente recentemente?
  • Seu filho poderia ter colocado um objeto estranho na boca?
  • Seu filho/ você está com dificuldades para respirar?.

Diagnóstico de Estridor

Para diagnosticar as causas do estridor seu médico pode pedir os seguintes exames:

  • RaioX do pescoço e tórax
  • Tomografia computadorizada do tórax
  • Broncoscopia para fornecer uma visão mais clara das vias aéreas
  • Laringoscopia
  • Oximetria de pulso ou gasometria arterial, teste para medir a quantidade de oxigênio no sangue.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Estridor

O tratamento do estridor será determinado pelo médico com base em:

  • Idade da pessoa, saúde geral e histórico médico
  • Causa do estridor
  • Extensão da condição
  • Tolerância da pessoa a medicamentos, procedimentos ou terapias específicas
  • Expectativas para o curso da doença.

O tratamento pode incluir:

  • A pessoa ser encaminhada para um otorrinolaringologista
  • Medicamentos via oral ou injetáveis, a fim de diminuir o inchaço das vias aéreas
  • Cirurgia
  • Hospitalização ou cirurgia de emergência, dependendo da gravidade do estridor.
PUBLICIDADE

Prevenção

Prevenção

Nos casos do estridor causado por epiglotite é possível prevenir o problema vacinando a criança contra esta bactéria.

Fontes e referências

  • Manual Merck
  • Universidade de Stanford (EUA)