Impetigo: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Impetigo?

Impetigo é uma infecção bacteriana comum que atinge as camadas superficiais da pele.

PUBLICIDADE

Causas

O impetigo é causado por uma bactéria, o Staphylococcus aureus, o Streptococcus pyogenes, ou, ainda, ambos.

Uma pessoa pode adquirir a doença quando for exposta à bactéria principalmente quando entra em contato com feridas de alguém que já está infectado 1ou quando entrou em contato direto com itens compartilhados como roupas, lençóis, toalhas e até mesmo brinquedos.

Fatores de risco

Os fatores que aumentam o risco de impetigo incluem:

  • Embora qualquer um possa desenvolver impetigo, a doença ocorre mais comumente em crianças dos dois aos seis anos de idade
  • Impetigo se espalha facilmente em escolas, ambientes infantis e outros locais fechados e lotados
  • Clima quente e úmido, comum em estações quentes do ano, facilita a transmissão da bactéria
  • Lesões na pele causadas por mordidas, picadas de inseto e outros tipos de feridas também podem facilitar a ocorrência da infecção
  • Idosos e as pessoas com diabetes ou um sistema imunológico comprometido são mais propensos a desenvolver impetigo e algumas de suas complicações.

Sintomas

Sintomas de Impetigo

Os principais sinais e sintomas de impetigo são:

  • Uma ou mais pústulas com pus que facilmente estouram. Em crianças, a pele é avermelhada com aspecto machucado, principalmente onde houve rompimento da pústula
  • Pústulas que coçam, preenchidas com um líquido amarelado
  • Vazamento de pus e formação de crostas
  • Erupções cutâneas que pode começar com um único ponto, mas espalhar-se para outras áreas conforme a pessoa coça
  • Lesões de pele no rosto, lábios, braços ou pernas, que se espalham para outras áreas do corpo
  • Nódulos linfáticos inchados próximos ao local de infecção.

Diagnóstico e Exames

Na consulta médica

Entre os especialistas que podem diagnosticar impetigo estão:

  • Clínico geral
  • Dermatologista
  • Infectologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando seus sintomas começaram?
  • Você notou melhora ou piora dos sintomas nos últimos dias?
  • Você apresenta manchas vermelhas pelo corpo?
  • Há presença de erupções cutâneas em seu corpo? Em quais partes?
  • Você sente dor?
  • Você toma algum tipo de medicamento?
  • Você já foi diagnosticado anteriormente com outra condição médico? Qual?
  • Você está com alguma ferida na pele? Qual foi a causa?

Diagnóstico de Impetigo

Os médicos costumam diagnosticar impetigo por meio da observação clínica, dando especial atenção às feridas presentes na pele. Normalmente, testes de laboratório não são necessários para confirmar o diagnóstico.

Mas, caso as feridas não melhorem com o tratamento, o médico deverá avaliar se as terapias utilizadas estão sendo seguidas e realizadas corretamente pelo paciente.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Impetigo

Os antibióticos são a principal forma de tratamento do impetigo. Eles podem ser aplicados diretamente nas feridas por meio de creme ou pomada, ou também podem ser ministrados oralmente, em doses pré-definidas pelo especialista.

Atenção: certifique-se de tomar os antibióticos até o final do prazo estabelecido pelo médico, mesmo que as feridas já estejam curadas. Isso ajuda a evitar resistência bacteriana.

Medicamentos para Impetigo

Os medicamentos mais usados para o tratamento de impetigo são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)

Complicações possíveis

Impetigo pode levar a algumas complicações, como o surgimento de manchas escuras após a inflamação e, em alguns casos, doenças fora da pele.

Expectativas

As lesões do impetigo curam-se lentamente, mas as taxas de cura são altas - desde que o paciente siga as orientações médicas corretamente. Cicatrizes são raras. A reinfecção, no entanto, é comum em crianças.

Prevenção

Prevenção

Previna a propagação da infecção:

  • Se você tem impetigo, use sempre uma esponja e uma toalha limpa. Troqueas todos os dias, se necessário for
  • Não compartilhe toalhas, roupas, lâminas de barbear ou outros produtos de cuidado pessoal com outros membros da família
  • Lave suas mãos frequentemente após tocar a pele infectada
  • Mantenha a pele limpa para evitar o contágio da infecção. Limpe bem pequenos cortes e escoriações com sabão e água limpa.

Fontes e referências

  • Revisado por: Dra. Selma Helene, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia – CRM: 56736
  • Ministério da Saúde
  • Sociedade Brasileira de Dermatologia