Nariz em sela: tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Nariz em sela?

Nariz em sela é uma deformação nasal em que a ponte do nariz (sua parte superior) é achatada, muitas vezes bem próxima do resto da face.

PUBLICIDADE

Normalmente ele se caracteriza por apresentar:

  • Depressão da pirâmide nasal
  • Perda da definição e suporte do nariz
  • Comprimento nasal encurtado
  • Retrusão da espinha nasal e septo caudal.

Causas

O nariz em sela pode ser congênito. Nesses casos, ele está ligado a síndromes genéticas ou deformações fetais, como:

Além disso, o nariz em sela pode ser adquirido em algum trauma, e é comum em atletas, boxeadores e outras pessoas que se expõe a pancadas na região.

O problema ainda pode estar relacionado a doenças como hanseníase (também conhecida como lepra), policondrite recidivante e granulomatose de Wegener.

Muitas vezes, no entanto, a pessoa pode ter a ponte nasal mais baixa e ela se assemelhar ao nariz em sela. Isso é comum em membros de algumas etnias.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Como muitas vezes o nariz em sela pode ser algo comum, busque ajuda médica se seu filho apresentar outras características fora do normal na face. No entanto, como a maior parte dos problemas relacionados é congênito, isso provavelmente será percebido também pelo pediatra no nascimento ou nas consultas de rotina.

PUBLICIDADE

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar um nariz em sela são:

  • Clínico geral
  • Pediatra
  • Geneticista
  • Cirurgião Plástico.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

Tratamento de Nariz em sela

O tratamento para o nariz em sela é a rinoplastia de reconstituição. A indicação depende de diversos fatores, como a causa do problema, o grau do rebaixamento da ponte do nariz, entre outros. Em geral, as indicações para a cirurgia são:

  • Obstrução das vias aéreas nasais, impedindo a respiração eficiente do paciente pelo nariz
  • Desejo do paciente por melhora estética.

No entanto, a cirurgia pode ser contraindicada em alguns casos, como:

  • Pacientes que podem sofrer o mesmo trauma repetidamente devido a sua profissão, como boxeadores
  • Pacientes como doenças crônicas ou autoimunes, que podem voltar a ter essa condição mais tarde
  • Pessoas que demonstram riscos em geral para rinoplastias, como pessoas que usam drogas intranasais (como a cocaína), tem condições crônicas que tornam a cirurgia arriscada, pacientes com expectativas não realistas, entre outros...

Tratamento e Cuidados

Diagnóstico de Nariz em sela

Para descobrir se o nariz em sela está relacionado a alguma doença subjacente, o médico primeiro conversará com o paciente e seus pais, no caso de uma criança, para entender que outros sintomas podem conduzir seu diagnóstico. Um exame físico também deve ser feito.

Além disso, de acordo com suas suspeitas sobre as possíveis causas do nariz em sela, ele pode pedir outros exames. Entre eles:

  • Testes genéticos, caso ele suspeite de uma origem genética do problema
  • Raio-X do crânio, para entender a estrutura do nariz
  • Testes sanguíneos, para verificar se há infecções ou outros problemas.
PUBLICIDADE

Fontes e referências

  • Manual Merck