Placas: tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Placas?

A maioria das doenças da pele começa com uma lesão básica que é denominada lesão primária (elementar). A identificação da lesão primária é a chave para interpretação e descrição acurada da doença cutânea.

PUBLICIDADE

Sua presença fornece orientação inicial e permite a formulação de um diagnóstico diferencial.

Placas são um tipo de lesão primária na pele que pode estar associada a vários problemas de ordem dermatológica.

Trata-se de lesão circunscrita, elevada, superficial e sólida com mais de 0,5cm de diâmetro, formada frequentemente pela confluência de pápulas. A pápula, por sua vez, é uma lesão sólida, elevada com até 0,5cm de diâmetro com cores variadas. Várias pápulas podem confluir, formando uma placa.

Causas

Normalmente as placas são causadas pela junção de várias pápulas.

Pápula é um tipo de lesão que acontece na pele, normalmente menor que um centímetro de diâmetro, e é caracterizada por mudanças na sua cor e textura.

Frequentemente elas podem se agrupar e gerar uma erupção cutânea - que é então chamada de PLACA.

Dentre as condições associadas às placas estão:

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Ao aparecimento de qualquer anormalidade na pele, o paciente deve procurar ajuda de um dermatologista. Só ele poderá determinar a exata causa do problema e então tratá-lo.

O tratamento de cada doença é individual e pode envolver medicamentos tópicos e orais, além de outros procedimentos. A definição deverá ser feita pelo dermatologista, de acordo com as características de cada caso.

PUBLICIDADE

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar placas são:

  • Clínico geral
  • Dermatologista

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar tempo. Dessa forma, você já pode chegar ao consultório com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que tenha e medicamentos, vitaminas ou suplementos que tome com regularidade

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes de sair do consultório.

Tratamento e Cuidados

Medicamentos para Placas

As placas podem ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Por isso, somente um especialista capacitado pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Os medicamentos mais comuns no tratamento de placas são:

Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

PUBLICIDADE

Fontes e referências

  • Revisado por: Tatiana Steiner, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (CRM - 109788/SP)
  • Habif, Thomas P. Dermatologia Clínica: Guia colorido para diagnostico e tratamento. 5ª edição. São Paulo: Editora Mosby Elsevier (pags: 5-7)