Pneumonia viral: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Pneumonia viral?

Pneumonia viral é uma infecção que se instala nos pulmões causada por um vírus. Pode acometer a região dos alvéolos pulmonares onde desembocam as ramificações terminais dos brônquios e, às vezes, os interstícios (espaço entre um alvéolo e outro).

PUBLICIDADE

Basicamente, pneumonias virais são provocadas pela penetração de um vírus no espaço alveolar, onde ocorre a troca gasosa. Esse local deve estar sempre muito limpo, livre de substâncias que possam impedir o contato do ar com o sangue.

Diferentes do vírus da gripe, que é uma doença altamente infectante, os agentes infecciosos da pneumonia não costumam ser transmitidos facilmente.

Causas

Os vírus que mais comumente causam pneumonia viral são:

  • Adenovírus
  • Varicela-zóster
  • Influenza
  • Vírus respiratório sincicial

Ainda não se sabe ao certo como esses vírus causam pneumonia, mas provavelmente os mecanismos de infecção variem conforme o vírus. Os sintomas de pneumonia viral ocorrem quando os pulmões ficam inflamados e tentam combater essa infecção. Esse processo pode bloquear o fluxo de oxigênio, causando a maioria dos sintomas.

Os vírus são transmitidos de pessoa para pessoa. Tosse, coriza e secreções que ficam nas mãos e objetos podem contaminar outras pessoas pelo ar, espalhando a pneumonia viral.

Fatores de risco

O risco de pneumonia viral é maior em pessoas que têm o sistema imunológico comprometido, por exemplo:

  • Pacientes soropositivos
  • Bebês prematuros
  • Crianças com doenças pulmonares ou cardíacas
  • Pessoas que estão fazendo quimioterapia ou ministrando medicamentos que comprometem a imunidade
  • Pessoas que tiveram órgãos transplantados e estão ingerindo drogas imunossupressoras

Essas condições também podem aumentar o risco de pneumonia viral:

  • Câncer ou qualquer outra condição tratada com quimioterapia
  • Doenças cardiovasculares
  • Diabetes
  • Doença renal
  • Doença hepática
  • Aids/HIV
  • Bronquite crônica ou enfisema
  • Infecção recente no trato respiratório, como gripe
  • Infecção viral recente

Sintomas

Sintomas de Pneumonia viral

Entre os sintomas de pneumonia viral estão:

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Marque uma consulta médica se você sentir dificuldade para respirar, dor no peito, febre persistente acima de 39 C e tosse persistente, especialmente se acompanhada de catarro ou pus.

Buscar ajuda é especialmente importante se o(a) paciente:

  • Tem 2 anos ou menos
  • Tem mais de 65 anos
  • Tem outra condição de saúde que afeta o sistema imunológico
  • Está fazendo tratamento com quimioterapia ou outro medicamento que afeta a imunidade

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar pneumonia viral são:

  • Clínico geral
  • Pneumologista
  • Infectologista

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando os sintomas começaram?
  • Os sintomas são contínuos ou ocasionais?
  • Quão graves são os sintomas?
  • O que, se alguma coisa, parece melhorar os sintomas?
  • O que, se alguma coisa, parece piorar os sintomas?
  • Você viajou ou foi exposto a substância químicas tóxicas?
  • Você conviveu com alguma pessoa doente em casa, escola ou trabalho?
  • Você fuma?
  • Quanto álcool você ingere por semana?
  • Sua carteirinha de vacinação está atualizada?

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para pneumonia viral, algumas perguntas básicas incluem:

  • Qual a causa mais provável para os sintomas?
  • Quais as outras causas possíveis para os sintomas?
  • Que tipos de testes são necessários?
  • Devo consultar um especialista?
  • Qual o melhor tratamento para o meu caso?
  • Quais as alternativas para o tratamento que você está sugerindo?
  • Devo fazer alguma restrição na dieta ou de estilo de vida durante o tratamento?
  • Há algum material impresso que posso levar comigo? Quais sites você recomenda?

Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Pneumonia viral

O medico ou médica provavelmente fará um exame físico, ouvindo a respiração com um estetoscópio. Pessoas que tem pneumonia viral apresentação sons anormais durante a respiração. Outros sintomas de pneumonia como tosse e coriza também serão observados durante a consulta.

Além disso, outros exames podem ser solicitados para confirmar o diagnóstico de pneumonia viral:

  • Raiox do peito
  • Hemograma completo
  • Gasometria arterial
  • Tomografia computadorizada do pulmão
  • Análise de escarro
  • Cultura de fluído pleural
  • Broncoscopia

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Pneumonia viral

O tratamento da pneumonia viral visa aliviar os sintomas e eliminar o vírus do corpo.

Para livrar o corpo de infecção, será prescrita uma medicação antiviral específica para derrotar o vírus que está no corpo do paciente. É importante ressaltar que os antibióticos não surtem efeito contra pneumonia viral, uma vez que essas medicações são eficazes apenas contra bactérias.

Para lidar com os sintomas, o médico ou médica pode recomendar:

  • Redutores de febre como a aspirina ou ibuprofeno
  • Medicamentos para a tosse
  • Quantidades adequadas de descanso
  • Beber bastante líquido
  • Oxigenoterapia
  • Tratamentos respiratórios, tais como o uso de um umidificador
  • Medicação para a dor para ajudar a lidar com a dor no peito de tosse frequente

A maioria das pessoas pode ser tratada em casa. No entanto, pode ser necessária a hospitalização em alguns casos, principalmente pessoas idosas, com o sistema imunológico comprometido ou que sofreram desidratação.

Medicamentos para Pneumonia viral

Os medicamentos mais usados para o tratamento de pneumonia viral são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Para ajudar na recuperação e diminuir o risco de propagação da doença, é importante tomar alguns cuidados durante o tratamento da pneumonia viral:

  • Mantenha o repouso
  • Fique em casa em vez de ir ao trabalho ou estudos até que a febre e a tosse com muco acabem
  • Beba muito líquido
  • Faça o tratamento medicamentoso por completo

Complicações possíveis

A maioria das pessoas fica curada da pneumonia viral após tratamento adequado. Entretanto, algumas pessoas podem sofrer as seguintes complicações, especialmente aquelas que estão em grupos de risco:

  • Vírus pode afetar outras partes do corpo (sepse)
  • Acúmulo de fluído no pulmão
  • Dificuldade para respirar.

Expectativas

O tempo de recuperação para pneumonia viral varia conforme o estado de saúde da pessoa antes de ser diagnosticada. Uma pessoa jovem e saudável geralmente responde melhor ao tratamento, voltando às atividades normais em uma semana.

Pessoas na meia idade ou mais velhas e que tem doenças concomitantes podem levar muitas semanas para se recuperar, podendo ser necessária inclusive a hospitalização.

Prevenção

Prevenção

Existem alguns passos que podem ser adotados para prevenir a pneumonia:

  • Boas práticas de higiene, como lavar as mãos depois de usar o banheiro ou transporte público
  • Não fumar
  • Dormir o suficiente
  • Fazer exercícios
  • Manter uma dieta saudável
  • Tomar a vacina da gripe

Fontes e referências

  • Manual Merck
  • American Lung Association
  • American College of Chest Physicians
  • Clínica Mayo