Pólipo ou depressão pré-auricular: tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Pólipo ou depressão pré-auricular?

Sinônimos: pólipo pré-auricular, depressão pré-auricular

Pólipos ou depressões pré-auriculares são anormalidades que se encontram nas orelhas.

PUBLICIDADE

Um pólipo é a formação de um tecido anormal em alguma parte do corpo. Existem inúmeros tipos de pólipos: uterinos, renais, intestinais, colorretal, entre outros. Um pólipo cutâneo na orelha é, como o próprio nome diz, o surgimento de um tecido anormal em uma ou em ambas as orelhas. Já a depressão pré-auricular consiste em um tipo de rebaixamento, uma parte de tecido mais baixa que o normal localizada na orelha.

Sinônimos

Pólipo pré-auricular, depressão pré-auricular, pólipo na orelha.

Causas

Nem sempre é possível identificar os motivos que levam ao surgimento de um pólipo ou de uma depressão na região da orelha. Malformações congênitas, no entanto, costumam ser a causa mais frequente deste problema – apesar de poder existir, também, alguma síndrome genética que possa estar por trás do surgimento do pólipo ou da depressão pré-auricular.

Somente uma análise clínica completa e uma consulta com um especialista podem determinar exatamente qual a causa deste sintoma.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Se você notar qualquer anormalidade na orelha de seu filho, procure um médico para saber do que se trata. Pode ser apenas uma deformidade congênita, que não oferece riscos à saúde da criança, mas também pode ser algum problema mais grave, que necessite de atenção especial.

Geralmente, os pólipos cutâneos que estão localizados bem à frente da orelha, em sua parte exterior, podem ser mais visíveis nas crianças, principalmente em bebês recém-nascidos.

PUBLICIDADE

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar um pólipo ou uma depressão pré-auricular são:

  • Clínico geral
  • Dermatologista
  • Geneticista
  • Pediatra
  • Reumatologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando você notou a anormalidade na orelha de seu filho?
  • O problema afeta uma ou ambas as orelhas?
  • O problema tem se agravado com o tempo ou permaneceu do jeito que sempre esteve?
  • Seu filho apresenta outros sintomas? Quais?
  • Você notou alguma anormalidade em outra região do corpo? Em qual?
  • Tem histórico familiar deste tipo de problema?
  • Seu filho já foi diagnosticado com alguma outra condição de saúde? Qual?
  • Seu filho faz uso de algum tipo de medicamento? Qual?
  • Quando o problema surgiu?
  • Você já tomou alguma medida para tratar sozinho este sintoma? O quê? E funcionou?

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para um pólipo ou depressão pré-auricular, algumas perguntas básicas incluem:

  • Qual a possível causa deste problema?
  • Ele pode ser sinal de algum problema de saúde mais grave?
  • Qual especialidade médica eu devo procurar?
  • Há tratamento para esse tipo de problema?
  • Há necessidade de tratamento?
  • Como posso fazer para meu filho aprender a conviver melhor com este problema?
  • Quais exames são necessários para o diagnóstico?
  • A quem devo procurar em caso de emergência médica?

Fontes e referências

  • Ministério da Saúde
  • Sociedade Brasileira de Dermatologia