Pulso fraco ou ausente: tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Pulso fraco ou ausente?

Sinônimos: pulso fraco, pulso ausente

O pulso fraco ou ausente caracteriza-se pela dificuldade de palpação da onda de pulso arterial ou pela sua completa ausência.

PUBLICIDADE

Causas

O pulso fraco ou ausente pode estar relacionado a várias condições:

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

As causas mais sérias e preocupantes de pulso fraco ou ausente, e que demandam necessariamente busca de ajuda médica, são o choque e a parada cardíaca, que são acompanhados por sintomas de perda de consciência ou confusão mental, pele fria e pálida, dificuldade de respirar ou até parada respiratória e arroxeamento dos lábios e extremidades (chamado de cianose). Quando se trata de deficiência da circulação arterial periférica, geralmente, observa-se palidez do membro afetado, dor na região distal ao pulso, dificuldade de movimentar o membro afetado.

PUBLICIDADE

Diagnóstico de Pulso fraco ou ausente

Para diagnosticar o pulso fraco é importante realizar um exame clínico apurado e detalhado com médico experiente, seguido de exames subsidiários a depender da suspeita clínica. No caso de choque, em unidade de terapia intensiva, vários exames de laboratório e de imagem podem ser necessários para que se possa definir a causa do choque. O mesmo ocorre quando ocorre a parada cardíaca. Em déficits de circulação arterial pode-se realizar o ultrassom com Doppler, angiografias e angiotomografias, a depender da suspeita.

Tratamento e Cuidados

Cuidados

Os cuidados dependem do quadro clínico e do estado geral do paciente, podendo haver necessidade de internação imediata ou simplesmente nada fazer quando não existem sintomas e trata-se, apenas, de palpação inadequada.

PUBLICIDADE

Fontes e referências

  • Helio Castello, pode colocar cardiologista e especialista Minha Vida – CRM: 55768/SP